fbpx

Informação que os seus patudos merecem!

Email Marketing by E-goi

Dicas para um passeio canino feliz

Passear com o seu animal de estimação é fundamental, pois para ele, uma simples saída de casa tem grande importância para a sua saúde física e mental.

O cão é um animal social, que “observa” o mundo através do olfato. Dessa forma, sair à rua significa acesso a um mundo de cheiros, que irá estimulá-lo mentalmente, evitando, assim, o tédio de uma vida confinada entre quatro paredes. Mas como planear um passeio realmente eficaz e feliz?

Evite a ansiedade

Muitos cães ficam ansiosos quando sabem que se aproxima o momento de sair para passear. Por isso, ponha a coleira apenas quando ele estiver mais calmo e saia primeiro, para que ele perceba quem é que irá guiar o caminho.

Na rua, se ele demonstrar que pretende começar a correr e a puxar a coleira, deve interromper a caminhada até que ele se acalme. Deve fazer o mesmo se ele apresentar agressividade com outros cães ou pessoas na rua durante a caminhada.

Organize actividades distintas

Se o ambiente permitir, o ideal é alternar a caminhada com momentos de jogos com seu animal de estimação.

E, como o exercício deve ser comum, aproveite a ocasião para reforçar o que já foi aprendido e ensinar ordens novas.

Recompense seu cão

Para ressaltar o bom comportamento durante o passeio premie-o com festinhas, elogios ou algum petisco.

Evite as horas de temperaturas mais extremas

Tanto no verão como no inverno devemos evitar sair nas horas em que o clima for menos favorável.

Mantenha os mesmos horários

Isso pode ser aplicado tanto às comidas como para os passeios. Assim poderá sincronizar as saídas com o momento de fazer as necessidades. Lembre-se também de levar os elementos necessários para poder recolher as fezes.

Mascote e dono felizes na hora do passeio

Utilizando paciência e dedicação, com certeza, conseguirá desfrutar dos momentos dedicados para levar seu cão para passear, o que contribuirá para que ambos, tanto o dono como a animal, mantenham-se em boa forma, tanto física como mental.

Deixe que ele seja cão

O passeio permite que seu animal de estimação não só queime energia e relaxe, mas permite que ele desenvolva os instintos de cão, tais como marcar território; rastrear cheiros diferentes ou relacionar-se com outros cães.

Dedique tempo suficiente aos passeios

Dentro das suas possibilidades, o ideal é levar seu animal para passear no mínimo três vezes por dia.

Tenha em mente que um passeio longo antes de sair para trabalhar pode ser sinónimo de um cão relaxado, que não ficará aborrecido nem destruirá as coisas de casa quando ficar sozinho.

O mais provável é que ele durma durante boa parte do tempo em que não estiver ninguém em casa.

Prefira as coleiras não muito longas

Desta forma poderá controlar melhor as situações imprevistas como encontros com outros cães ou que ele tente atacar outras pessoas.

Mostre-se calmo e seguro

Deve conseguir que seu animal de estimação compreenda que está a dominar a situação para que ele não decida dominar o passeio.

Veja aqui como pode fazer alimentar o seu Patudo, depois de um bom passeio, com todo o conforto e segurança.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
David Alves
David Alves

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *